Português | English

ISSN (Impressa): 2359-4802 | ISSN (Online): 2359-5647




Instruções aos Autores

  1. International Journal of Cardiovascular Sciences


  2. O International Journal of Cardiovascular Sciences (Int J Cardiovasc Sci.) é publicado pela Sociedade Brasileira de Cardiologia, editado bimestralmente. Criado em 2015, este periódico sucede os seus predecessores, Revista da SOCERJ e Revista Brasileira de Cardiologia, criados em 1998 e 2010, respectivamente. Destina-se a publicar manuscritos sobre temas cardiovasculares com ênfase em artigos originais, que contemplem aspectos de epidemiologia, estudos multidisciplinares, avaliações de qualidade assistencial, desenhos de ensaios clínicos e trabalhos de centros únicos e multicêntricos, contribuindo para a divulgação da produção científica no âmbito das ciências cardiovasculares. Está disponível em formato impresso e em formato eletrônico, em PDF: http://www.onlineijcs.org. Em formato eletrônico disponibiliza as versões em inglês e em português; em formato impresso disponibiliza apenas a versão em português.


    Compreende as seguintes seções:


    a. Artigo Original (AO)
    b. Artigo de Revisão (AR) / Atualização (AA)
    c. Comunicação Preliminar (CP)
    d. Relato de Caso (RC)
    e. Imagem Cardiovascular (IC)
    f. Ponto de Vista (PV)
    g. Editorial
    h. Carta ao Editor


  3. Instruções redatoriais

  4. 2.1 Todas as contribuições científicas enviadas para publicação serão submetidas à apreciação do Editor, Membros do Conselho Editorial e Revisores Convidados, reservando-se ao International Journal of Cardiovascular Sciences o direito de recusar a matéria considerada insuficiente ou que esteja em desacordo com os princípios da ética médica. A aceitação será feita de acordo com a originalidade, a significância e a contribuição científica.


    2.2 Não serão aceitos manuscritos previamente publicados ou que estejam sendo analisados por outras revistas. Os autores devem assumir inteira responsabilidade por essa informação.


    2.3 Os manuscritos aceitos para publicação poderão sofrer nova revisão editorial, de modo a garantir a unidade, a coesão e a coerência dos textos a serem publicados, sem interferência no significado dos textos.


    2.4 Todas as matérias publicadas são de responsabilidade de seus autores, bem como os conceitos nelas emitidos.


    2.5 Os manuscritos serão publicados por ordem de aceitação pelo Conselho Editorial do International Journal of Cardiovascular Sciences, e não por ordem de recebimento.


    2.6 Reservados todos os direitos. É proibida a duplicação ou reprodução no todo ou em parte desta Revista, sob quaisquer meios, sem permissão expressa da SBC.


    2.7 As Normas para publicação estão especificadas a seguir, e encontram-se disponíveis em: http://www.onlineijcs.org


    2.8 Só serão encaminhados para avaliação e revisão pelos Membros do Conselho Editorial, os manuscritos que estiverem rigorosamente de acordo com as normas especificadas.


  5. Avaliação pelos pares (peer review)

  6. 3.1 Todos os manuscritos enviados ao International Journal of Cardiovascular Sciences serão submetidos à avaliação dos pares (peer review) por dois revisores indicados pelo Editor da Revista dentre os Membros do Conselho Consultivo e de Revisores Convidados, que farão comentários gerais sobre o trabalho, indicando se ele deverá ser publicado, corrigido segundo as recomendações feitas ou rejeitado. Caso haja discrepância entre os dois revisores, um terceiro revisor será consultado para melhor julgamento. O Editor da Revista, de posse desses dados, tomará a decisão final de publicação.


    3.2 Quando forem sugeridas modificações, estas serão encaminhadas ao autor principal para resposta e, em seguida, encaminhadas aos revisores para verificarem o cumprimento das exigências e solicitações.


    3.3 As solicitações de alterações no manuscrito pelos autores após a revisão em português e em inglês deverão ser feitas exclusivamente na versão em Word. Após a versão em PDF não mais serão permitidas quaisquer alterações, excetuando-se aquelas que comprometam o conteúdo do texto.


    3.4 A decisão sobre a aceitação do artigo para publicação ocorrerá, sempre que possível, no prazo de 90 dias a partir da data de seu recebimento.


  7. Enviando o manuscrito

  8. 4.1 Os manuscritos deverão ser encaminhados ao International Journal of Cardiovascular Sciences via internet e sistema, disponível em: http://www.onlineijcs.org. Dúvidas: entrar em contato com a SBC pelo telefone: (+ 55 21) 3478-2784.


    4.2 É obrigatória a organização de uma Folha de rosto com as informações que se seguem:

    4.2.1 Título do trabalho em português (até 100 caracteres); Título em inglês;

    4.2.2 Título abreviado (até 50 caracteres);

    4.2.3 Indicação da seção para a qual o manuscrito está sendo submetido (consultar as seções no item 1);

    4.2.4 Nome, endereço, telefone e e-mail do autor principal para correspondência;

    4.2.5 Nome completo de todos os demais coautores;

    4.2.6 Nome da Instituição a que estão filiados os autores, com indicação do Departamento/ Serviço/ Setor; cidade e unidade da Federação e país. Se as instituições forem distintas para cada autor, usar numeração sobrescrita para facilitar a identificação;

    4.2.7 Declaração do autor e dos coautores de que todos estão de acordo com o conteúdo expresso no manuscrito.


    4.3 Deverão ser informados no texto

    4.3.1 Potencial conflito de interesses

    - Os autores deverão informar se há ou não potencial conflito de interesses, logo após as conclusões do trabalho. O conflito de interesses existe quando o autor (ou a sua instituição) tem relacionamentos pessoais ou financeiros que influenciam inadequadamente as ações. O formulário próprio deverá ser preenchido e assinado por todos os autores, e enviada ao IJCS. Disponível em: http://www.onlineijcs.org

    4.3.2 Fontes de financiamento

    - O autor deverá declarar se o estudo teve ou não fontes de financiamento externo, indicando as fontes de suporte ao trabalho.

    4.3.3 Vinculação acadêmica

    - O autor deverá declarar se o trabalho apresentado representa parte de trabalhos acadêmicos (Trabalhos de Conclusão de Curso, Dissertações e Teses), divulgando a instituição.

    4.3.4 Aspectos éticos

    - Os autores deverão informar, na seção de Métodos, os aspectos éticos relativos ao seu trabalho, a saber: aprovação da sua pesquisa pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Instituição, em consonância com a Declaração de Helsinki http://www.ufrgs.br/HCPA/gppg/helsin5.htm; fazer referência ao Termo de Consentimento Livre e Esclarecido segundo a Resolução CNS 466/12 quando a pesquisa envolver seres humanos em sua totalidade ou partes dele, incluindo o manejo de informações ou materiais.
    - Em se tratando de pesquisa experimental envolvendo animais, esta deverá obedecer às normas estabelecidas no Guide for the Care and Use of Laboratory Animals (Institute for Laboratory Animal Research, National Academy of Sciencess, Washington D.C.; 2011) e ainda respeitados os Princípios Éticos na Experimentação Animal do Conselho Nacional de Controle de Experimentação Animal (CONCEA). Haverá verificação da situação dos projetos com experimentação animal, conferindo se estes foram registrados no comitê de ética pelo endereço eletrônico: http://www.mct.gov.br/index.php/content/view/345115/22___Projetos_CEUAs.html.


    4.4 Informações complementares

    4.4.1 Contribuição dos autores

    - O autor correspondente deverá preencher e assinar o formulário próprio, explicitando a contribuição de todos os coautores, e enviar para o IJCS. Disponível em: http://www.onlineijcs.org

    4.4.2 Transferência de direitos autorais

    - Os autores dos manuscritos aprovados deverão preencher e assinar, previamente à publicação, o formulário próprio de transferência de direitos autorais, e enviar para o IJCS. Disponível em: http://www.onlineijcs.org


    4.5 Ensaios clínicos

    4.5.1 O International Committee of Medical Journal Editors (ICMJE) e a Organização Mundial da Saúde (OMS) julgam importante promover uma base de dados de estudos clínicos, abrangente e disponível publicamente.

    4.5.2 O ICMJE define estudo clínico como qualquer projeto de pesquisa que prospectivamente designa seres humanos para intervenção ou comparação simultânea ou grupos de controle para estudar a relação de causa e efeito entre uma intervenção médica e um desfecho relacionado à saúde. As intervenções médicas incluem medicamentos, procedimentos cirúrgicos, dispositivos, tratamentos comportamentais, mudanças no processo de atendimento, e outros.

    4.5.3 International Journal of Cardiovascular Sciences reconhece e apoia essa iniciativa para o registro e a divulgação internacional de informações sobre estudos clínicos, em acesso aberto. Sendo assim, somente serão aceitos para publicação, a partir de janeiro de 2015 os artigos de pesquisas clínicas que tenham recebido um número de identificação em um dos Registros de Ensaios Clínicos validados pelos critérios estabelecidos pela OMS e pelo ICMJE cujos endereços estão disponíveis em http://www.icmje.org/faq.pdf.

    4.5.4 Será aceito qualquer registro que satisfaça ao ICMJE. A lista completa dos registros de ensaios clínicos está disponível em: http://www.who.int/ictrp/network/primary/en/index.html O número de registro deverá ser publicado ao final do Resumo.


  9. Orientação para digitação / datilografia

  10. 5.1 Os manuscritos deverão ser redigidos em português e/ou inglês. O IJCS providenciará a tradução para a língua inglesa / portuguesa, sem ônus para o (s) autor (es). O IJCS disponibiliza em seu formato impresso a versão em português dos manuscritos e no formato eletrônico a versão em português e em inglês dos manuscritos.


    5.2 Os trabalhos deverão ser digitados em Word for Windows, inclusive Tabelas e Quadros, na fonte Arial, corpo 12, espaço 1,5 cm, justificado. Página no formato A4 ou Letter.


    5.3 Deverá ser respeitada a margem esquerda e superior de 3 cm e a margem direita e inferior de 2 cm.


  11. Normas para referências bibliográficas

  12. 6.1 As normas de organização das referências bibliográficas encontram-se harmonizadas com o Uniform Requirements for Manuscripts Submitted to Biomedical Journal Editors, Normas de Vancouver, reservando-se o direito de adequações em língua portuguesa. Encontram-se disponíveis em: http://www.onlineijcs.org>


    6.2 Orientações gerais

    6.2.1 O IJCS adota o sistema numérico para a indicação das citações no texto, o qual prescreve a utilização de numeração sequencial, em algarismos arábicos sobrescritos, por ordem rigorosa de entrada no texto;

    6.2.2 As abreviaturas das publicações devem estar em conformidade com o Index Medicus/ Medline encontradas na List of Journals Indexed ou no site: <http://www.nlm.nih.gov/pubs/libprog.html> ou <http://locatorplus.gov>

    6.2.3 Comunicações pessoais ou quaisquer dados não passíveis de consulta pelo leitor não deverão constituir citações no texto;

    6.2.4 A lista de referências deverá ser organizada por ordem sequencial numérica de aparecimento no texto.


  13. Organização de ilustrações (Tabelas, Quadros e Figuras)

  14. 7.1 As normas para a organização das ilustrações do manuscrito encontram-se disponíveis em <http://www.onlineijcs.org>


    7.2 Figuras, Quadros e Tabelas devem ser numerados em algarismos arábicos, em ordem sequencial de aparecimento e referidos no texto.


    7.3 Orientações gerais

    7.3.1 Tabelas: máx 12 colunas e 45 linhas;

    7.3.2 Quadros: máx de 5 colunas e 50 linhas;

    7.3.3 Figuras: resolução ≥300dpi e extensão .jpeg ou .tiff.


  15. Estrutura das seções:

  16. 8.1 Artigo Original (AO)

    Caracteriza-se por comunicar investigações originais na área cardiovascular.

    8.1.1 Estrutura: folha de rosto, resumo, abstract, introdução, métodos, resultados, discussão, conclusões e referências.

    8.1.2 Deverão ser respeitados os limites de até 5 000 palavras; até 250 palavras no resumo; até 40 referências bibliográficas; até 8 ilustrações e o máximo de 10 autores.

    8.1.3 Folha de rosto: consulte os dados obrigatórios no item 4.2 e seus subitens destas normas.

    8.1.4 Resumo: Apresentado de forma estruturada, constituindo cabeçalhos: Fundamentos, Objetivos, Métodos, Resultados e Conclusões. Referências não devem ser citadas no resumo. As palavras-chave indicadas ao final do Resumo deverão ser retiradas do DeCs (Descritores em Ciências da Saúde), disponíveis em: <http://decs.bvs.br>, objetivando o uso de terminologia comum para pesquisa.

    8.1.5 Abstract: É a versão do resumo em inglês, obedecendo à mesma estrutura apresentada no Resumo.

    8.1.6 Introdução: Tem a função de introduzir o leitor no tema, mostrar a relevância do assunto estudado, delimitar o assunto no tempo, no espaço e na teoria. Finaliza-se com a apresentação dos objetivos do trabalho. Deve ser concisa.

    8.1.7 Métodos: Inclui a caracterização do estudo, a descrição da população estudada e dos seus subgrupos (casuística), os critérios de seleção utilizados, os métodos relacionados às etapas da pesquisa (equipamentos, procedimentos, fármacos utilizados, etc.), o tratamento estatístico e as questões éticas (ver item 4.3.4).

    8.1.8 Resultados: Representam os dados quantitativos e qualitativos encontrados na investigação.

    8.1.9 Discussão: Está relacionada diretamente aos resultados, que deverão ser discutidos à luz da literatura, dando ênfase aos aspectos originais e importantes do estudo, suas implicações para futuros estudos e suas limitações.

    8.1.10 Conclusões: Deduções tiradas dos resultados do trabalho ou levantadas ao longo da discussão do assunto.

    8.1.11 Agradecimentos: São opcionais, mas, se presentes, devem ser apresentados imediatamente após as conclusões. São dirigidos, em geral, àqueles que contribuíram de maneira relevante na elaboração do trabalho.

    8.1.12 Referências: É a organização em lista de todos os autores citados no corpo do texto, obedecendo a padrões. É elemento obrigatório. As normas adotadas pelo International Journal of Cardiovascular Sciences, hamonizadas com a Escola de Vancouver, encontram-se descritas e exemplificadas no endereço: <http://www.onlineijcs.org>. As orientações gerais se encontram no item 6 e seus subitens destas normas.


    8.2 Artigo de Revisão (AR) / Atualização (AA)

    Caracteriza-se por realizar revisão sistemática de estudos já publicados, enfocando questões específicas da Cardiologia, com alto rigor metodológico e interpretação dos resultados.

    8.2.1 Os artigos de revisão serão, em sua maioria, fruto de convite feito pelo editor; no entanto, trabalhos de alto nível, realizados por autores ou grupos com histórico de publicações na área, serão bem-vindos. Eventualmente, revisões submetidas espontaneamente poderão ser reclassificadas como “Artigo de Atualização” por terem interesse clínico, no entanto com potencial de impacto mais restrito.

    8.2.2 Os autores dos artigos de revisão deverão apresentar um amplo currículo acadêmico ou de publicações (PubMed ou SciELO).

    8.2.3 Estrutura: folha de rosto, resumo, abstract, introdução, desenvolvimento, referências.

    8.2.4 Resumo deverá ser informativo, organizado de forma cursiva. Deverá ser acompanhado ao final de 3 a 6 palavras-chave.

    8.2.5 Deverão ser respeitados os limites de até 6 500 palavras; até 250 palavras no resumo; até 80 referências; até 8 ilustrações e o número máximo de 8 autores.


    8.3 Comunicação Preliminar (CP)

    Manuscrito que expressa resultados iniciais relevantes de pesquisa clínica ou experimental. Inclui-se aqui o delineamento de pesquisas clínicas.

    8.3.1 Estrutura: folha de rosto, resumo, abstract, introdução, métodos, resultados, discussão, conclusões e referências.

    8.3.2 O resumo deverá ser apresentado de forma estruturada, constituindo cabeçalhos: Fundamentos, Objetivos, Métodos, Resultados e Conclusões. Deverá ser acompanhado ao final de 3 a 6 palavras-chave.

    8.3.3 Deverão ser respeitados os limites de até 1 500 palavras; até 250 palavras no resumo; até 10 referências; até 2 ilustrações e o número máximo de 8 autores.


    8.4 Relato de Caso (RC)

    Caracteriza-se por descrever casos clínicos específicos que trazem informações relevantes ou que representem originalidade de um diagnóstico ou tratamento, ou que ilustrem situações pouco frequentes na prática clínica e que mereçam maior compreensão e atenção pelos cardiologistas.

    8.4.1 Estrutura: folha de rosto, resumo, abstract, introdução, relato do caso, discussão e referências.

    8.4.2 Resumo deverá ser informativo, organizado de forma cursiva. Deverá ser acompanhado ao final de 3 a 6 palavras-chave.

    8.4.3 Deverão ser respeitados os limites de até 1 500 palavras; até 100 palavras no resumo; até 10 referências; até 2 ilustrações e o número máximo de 6 autores.


    8.5 Ponto de Vista (PV)

    Caracteriza-se por enfocar aspectos particulares da Cardiologia, principalmente os polêmicos, traduzindo apenas a posição adotada pelos autores, sempre que possível fundamentada em experiência própria já divulgada ou da literatura disponível.

    8.5.1 Estrutura: folha de rosto, resumo, abstract, introdução, desenvolvimento, conclusões, referências.

    8.5.2 Resumo deverá ser informativo, organizado de forma cursiva. Deverá ser acompanhado ao final de 3 a 6 palavras-chave.

    8.5.3 Deverão ser respeitados os limites de até 1 500 palavras; até 100 palavras no resumo; até 10 referências; até 2 ilustrações e o número máximo de 4 autores.


    8.6 Imagem cardiovascular (IC)

    Manuscrito que se caracteriza pela apresentação de aspectos interessantes dos métodos de imagem, aí consideradas as imagens clínicas, de pesquisa básica ou ainda de exames complementares. Deverão ser ressaltados pontos relevantes da fisiopatologia, diagnóstico ou tratamento que esclareçam mecanismos de doenças cardiovasculares.

    8.6.1 Estrutura: folha de rosto, resumo, abstract, introdução, desenvolvimento, conclusões e referências.

    8.6.2 Resumo deverá ser informativo, organizado de forma cursiva. Deverá ser acompanhado ao final de 3 a 6 palavras-chave.

    8.6.3 Deverão ser respeitados os limites de até 1 000 palavras; até 100 palavras no resumo; até 10 referências; até 4 ilustrações e o número máximo de 4 autores.


    8.7 Editorial

    Manuscrito que expressa a opinião da revista, refletindo um posicionamento em relação a determinado assunto, sendo escrito de um modo geral por membro da equipe editorial.

    8.7.1 O IJCS não aceita editoriais enviados espontaneamente, mas somente aqueles escritos a convite do editor da revista.

    8.7.2 A presença de Referências é obrigatória. Deverá ser acompanhado ao final de 3 a 6 palavras-chave.

    8.7.3 Deverão ser respeitados os limites de até 1 000 palavras; até 10 referências; até 2 ilustrações e o número máximo de 2 autores.


    8.8 Carta ao Editor

    Manuscrito que compreende observações sobre aspectos publicados recentemente, podendo ou não gerar resposta do autor questionado, ou comentários sintéticos sobre algum assunto cardiovascular de interesse coletivo.

    8.8.1 Deverão ser respeitados os limites de até 1 000 palavras; até 10 referências; até 2 ilustrações e o número máximo de 4 autores.


    9. Orientações Estatísticas

    O uso adequado dos métodos estatísticos bem como sua correta descrição é de suma importância para a publicação nos Arquivos Brasileiros de Cardiologia. Desta forma, a seguir, são apresentadas orientações gerais aos autores sobre as informações que devem ser fornecidas no artigo referente à análise estatística (para maiores detalhes, sugerimos a leitura das orientações estatísticas do European Heart Journal).


    Sobre a amostra:


    - Detalhamento tanto da população de interesse quanto dos procedimentos utilizados para definição da amostra do estudo.

    Dentro do tópico Métodos, criação de um subtópico direcionado exclusivamente à descrição da análise estatística efetuada no estudo, contendo:


    - Forma de apresentação das variáveis contínuas e/ou categóricas: para variáveis contínuas com distribuição normal, apresentação da média e desviopadrão e, para as com distribuição não normal, apresentar através de mediana e intervalos interquartis. Já para as variáveis categóricas, as mesmas devem ser apresentadas através de números absolutos e percentagens, com os respectivos intervalos de confiança;


    - Descrição dos métodos estatísticos utilizados. Na utilização de métodos estatísticos mais complexos, deve ser fornecida uma literatura de referência para os mesmos;


    - Como regra, os testes estatísticos devem sempre ser bilaterais ao invés de unilaterais;


    - Nível de significância estatística adotado; e


    - Especificação do software empregado nas análises estatísticas e sua respectiva versão.


    Em relação à apresentação dos resultados obtidos após as análises estatísticas:


    - Os principais resultados devem sempre ser descritos com seus respectivos intervalos de confiança;


    - Não repetir no texto do artigo dados já existentes em tabelas e figuras;


    - Ao invés de apresentar tabelas muito extensas, utilizar gráficos como alternativa de modo a facilitar a leitura e entendimento do conteúdo;


    - Nas tabelas, mesmo que o p-valor não seja significativo, apresentar o respectivo valor em vez de "NS" (por exemplo, p = 0,29 em vez de NS).



Quadro 1: Limites permitidos (nº) e estrutura dos artigos submetidos à publicação no Int J Cardiovasc Sci.


Palavras

Autores

Resumo

Referências

Ilustrações

Estrutura

AO

5000

10

250

40

8

Folha de rosto – Resumo¹ – Abstract¹ – Introdução –Métodos - Resultados – Discussão– Conclusões – Referências

AR /AA

6500

8

250

80

8

Folha de rosto – Resumo² – Abstract² – Introdução – Desenvolvimento – Referências

CP

1500

8

250

10

2

Folha de rosto – Resumo¹ – Abstract¹ – Introdução – Métodos – Resultados – Discussão – Conclusões – Referências

RC

1500

6

100

10

2

Folha de rosto – Resumo² – Abstract²– Introdução– Relato do caso – Discussão– Referências

PV

1500

4

100

10

2

Folha de rosto – Resumo² – Abstract²– Introdução - Desenvolvimento – Conclusões –Referências

IC

1000

4

100

10

4

Folha de rosto – Resumo² – Abstract²– Introdução – Desenvolvimento – Conclusões - Referências

Editorial

1000

2

XX

10

2

Texto cursivo –
Referências

Carta

1000

4

XX

10

2

Texto cursivo –
Referências opcionais

AO=Artigo Original; AR=Artigo de Revisão; AA= Artigo de Atualização; CP=Comunicação Preliminar; RC=Relato de Caso; PV=Ponto de Vista; IC=Imagem Cardiovascular
Resumo¹ - resumo organizado de forma estruturada, em cabeçalhos: Fundamentos – Objetivos – Métodos – Resultados – Conclusões
Resumo ² - organizado de forma cursiva



Baixe agora o aplicativo do International Journal of Cardiovascular Sciences,
disponível para todos os dispositivos móveis.



Desenvolvido pela Tecnologia da Informação e Comunicação da SBC | Todos os Direitos Reservados © Copyright 2016 | Sociedade Brasileira de Cardiologia | tecnologia@cardiol.br